domingo, 22 de outubro de 2017

XV Seminário do GESTO abordou as reformas trabalhista e previdenciária

Por Lorena Vidal,
Fotos de Josué Augusto.


O Seminário de Seguridade Social e Trabalho promovido pelo Grupo de Estudos GESTO chegou à sua 15ª edição nesta sexta (20/10/2017) com o tema “Reformas e Direitos Sociais: Para que e para quem?”. Ocorrido no auditório do NEPSA, o evento contou na sua abertura com a apresentação do músico e estudante da UFRN do bacharelado em violão brasileiro Gabriel Maia junto ao estudante de direito da UFRN Victor Pegado, de modo a valorizar a arte e dar espaço à produção cultural.

Sempre buscando tratar de temas atuais o seminário teve a mesa de palestras presidida pela estudante e pesquisadora Paula Lays e contou com a presença da Procuradora Regional do Trabalho Ileana Neiva Mousinho e do Professor Zéu Palmeira sobre as reformas trabalhista e da previdência.

Numa abordagem bastante qualificada os palestrantes apontaram questões relevantes sobre as reformas, demonstrando o contexto político e social em que estas estão inseridas, bem como desenvolvendo um reflexões críticas às reformas, visto que ambas, colocam em risco a efetivação de direitos sociais fundamentais conquistados, representando um retrocesso em termos de acesso à justiça e ao cuidado com a saúde e segurança dos trabalhadores.

A segunda parte do seminário contou com exposições dos estudantes de direito João Ricardo, pesquisador do GESTO e Brena Monice, ex-membro do Centro Acadêmico Amaro Cavalcanti. O painel contou com a coordenação do Prof. Zéu Palmeira e abordou o tema “A postura dos estudantes e profissionais do direito diante das reformas”, apresentando uma perspectiva diferenciada acerca das possibilidades de atuação do corpo discente e também dos profissionais da área jurídica no que concerne à produção científica e atuação direta em termos de envolvimento nas lutas sociais.

O evento também arrecadou latas de leite em pó e pacotes de fraldas geriátricas como doação voluntária no momento da inscrição para o Lar do Ancião Evangélico. As doações foram entregues ao representante da instituição na volta do intervalo, que contou com coffee break preparado pelos estudantes voluntários na organização do evento.


quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Mesa redonda sobre "assédio moral e as novas configurações da relação de trabalho"

O Grupo de Estudos Seguridade Social e Trabalho – GESTO – realizará no dia 26 de outubro, como evento integrante da XXIII CIENTEC, a mesa-redonda "Assédio moral e as novas configurações da relação de trabalho".



O intuito é discutir junto à comunidade universitária uma série de assuntos que permeiam o assédio moral: seu conceito, causas, consequências, aspectos jurídicos e políticas públicas.

Antes do debate, serão exibidos trechos do filme "O Diabo Veste Prada" estrelado por Meryl Streep e Anne Hathaway.

O evento ocorrerá no auditório do NEPSA II, na UFRN, a partir das 20:00h e as inscrições realizar-se-ão mediante o portal do SIGEventos.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

XV Seminário do GESTO

GESTO promove seminário sobre as reformas trabalhista e da previdência social

O Grupo de Estudos Seguridade Social e Trabalho – GESTO – realizará no dia 20 de outubro o XV Seminário de Seguridade Social e Trabalho, com a temática "Reformas e Direitos Sociais: para que e para quem?". 



A finalidade é debater junto à comunidade universitária as recentes propostas de reforma trabalhista e de previdência social para reflexão da relação destas com a emancipação social, os legados para os direitos sociais e seus sujeitos.

Estão programadas duas palestras, uma da Procuradora do Trabalho Ileana Neiva Mousinho e outra do Economista do Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) Ediram Teixeira.

O evento também contará com um painel do Professor da UFPB Ronaldo Alencar e do pesquisador do GESTO João Ricardo sobre a postura dos profissionais e estudantes de direito diante das reformas estruturais.

O Seminário ocorrerá no auditório do NEPSA I, na UFRN, a partir das 14h15 e as inscrições realizar-se-ão mediante doação voluntária de 1 (uma) lata de leite em pó ou 1 (um) pacote de fralda geriátrica que serão objeto de doação ao Lar do Ancião Evangélico (LAE). 

As vagas são limitadas e as inscrições serão feitas apenas via SIGAA.

quarta-feira, 4 de outubro de 2017

GESTO/UFRN e NEMED promovem evento alusivo ao centenário da Revolução Russa


Por Elisiane Campos

GESTO/UFRN e NEMED promovem evento alusivo ao 

Centenário da Revolução Russa


O GESTO/UFRN – Grupo de Estudos em Seguridade Social e Trabalho promoveu, em parceria com o NEMED – Núcleo de Estudos Marxismo, Emancipação e Direito, um debate sobre o legado da Revolução Russa para os direitos sociais e a emancipação. O evento ocorreu no último dia 02 de outubro (segunda-feira), no Auditório 1 do NEPSA 2, no campus da UFRN.

Foram três palestrantes: o professor do curso de Serviço Social, Henrique Wellen, a professora do curso de Pedagogia, Héricka Medeiros, e o professor do curso de Direito, Zéu Palmeira Sobrinho. As intervenções giraram em torno do significado da Revolução Russa para a história humana, nas vertentes da emancipação, educação e direito.

O evento foi aberto com a fala do Prof. Henrique Wellen, que discutiu o tema “A Revolução Russa e o protagonismo dos trabalhadores no processo de emancipação”. A universidade foi apresentada como espaço legítimo e necessário para o desenvolvimento do pensamento crítico, lugar ideal para vislumbrarmos que as mudanças sociais não se fazem sozinhas, nem instantaneamente, mas através de um lento processo de transformação.

Em momento seguinte, a Profª Héricka Medeiros apresentou o tema “A Revolução Russa e as suas influências na esfera da educação”, e apontou a influência da Revolução Russa e dos pensadores que esta produziu no desenvolvimento da chamada Pedagogia Social – um novo modelo de escola, não voltado apenas às matérias clássicas estudadas no ano letivo, mas também ao mundo do trabalho.

Por fim o Prof. Zéu Palmeira debateu acerca do tema “A Revolução Russa e a questão social:  o impacto sobre a construção dos direitos sociais” e do legado da Revolução Russa para a conscientização e consolidação dos chamados Direitos Sociais. Falou também sobre outros temas relacionados, como a emancipação feminina, proteção às crianças e pessoas com deficiência. Ao final das palestras, houve um momento de perguntas e intervenções do público ouvinte.